Com a monitorização da força de tração/compressão com base na posição, a igus garante a segurança nas gruas de pórtico

Proteção de sobrecargas em cursos longos: novo sistema EC.PR para monitorizar calhas articuladas

07/04/2021

Uma chave de fendas esquecida na calha articulada, uma guia dobrada, bem como o gelo, a neve ou materiais a granel, podem rapidamente conduzir a uma avaria total numa grua com custos elevados. Para isso, a igus desenvolveu o sistema de monitorização das forças de tração/compressão. O EC.PR regista de forma precisa os valores no ponto móvel flutuante e ajusta os limites de força. Isto previne elevados custos de reparação e eventuais danos nos sistemas.

foto
O sistema EC.PR monitoriza a força de tração/compressão ao longo de cursos até 1.000 metros, com base na posição e desliga automaticamente quando o valor medido ultrapassa o limite. (Fonte: igus GmbH)

Uma avaria do sistema é o pior cenário para os operadores das gruas de pórtico. Muitas vezes os custos são elevados não só para a reparação e manutenção, mas sobretudo para o tempo de paragem e de não produção. A igus desenvolveu o sistema EC.PR especialmente para calhas articuladas de longo curso a partir de 150 metros, que utiliza sensores para determinar a força de tração/compressão da calha articulada e se desliga automaticamente quando uma força definida é excedida. Isto pode prevenir avarias nos sistemas. Se, por exemplo, um objeto estranho entrar na calha articulada ou se a guia deformar, a força de tração/compressão aumenta nessa posição. O sistema deteta o valor alterado e desliga o sistema. Com o novo sistema EC.PR, a força para desligar o carro é automaticamente ajustada a cada posição. O sistema recebe as informações do posicionamento através de módulos adicionais, tais como um PLC da Siemens, um servidor OPC-UA ou sistemas de medição analógicos ou digitais. O sistema EC.PR pode ser facilmente integrado nos sistemas de controlo existentes e quadros de comando.

Neste vídeo, pode ver como funciona o sistema EC.PR em 60 segundos:

Testado sob condições reais nas nossas instalações de teste ao ar livre

O sistema EC.PR é composto por dois sensores que comunicam entre si. Um sensor mede a força de tração/compressão da calha articulada enquanto, por exemplo, um sistema digital de medição da distância determina a posição exata do carro ou do ponto móvel da calha articulada. Para este efeito, as chamadas “balizas” estão ligadas entre si no exterior da guia a uma distância de 500 milímetros. Em cada posição é definida uma força de tração/compressão limite. Se a força de tração/compressão definida para a posição for excedida, o sistema desliga-se automaticamente através do EC.PR. O utilizador pode remover o objeto estranho da calha articulada, restaurar o sistema e colocá-lo novamente em operação. O novo sistema já foi testado com sucesso na banca de ensaios exterior com 200 metros de curso na igus em Colónia.

Jaba: tradução 4.0

Subscrever a nossa Newsletter

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

intermetal.pt

InterMETAL - informação para a indústria metalomecânica portuguesa

Estatuto Editorial