As pequenas e médias empresas podem beneficiar das vantagens da digitalização desde que recorram a uma solução especifica para PME

Como podem as PME sair fortalecidas da crise?

Jose Ángel Pelegay, técnico especialista da Hoffmann Iberia19/02/2021

Quando as carteiras de encomendas ainda estavam repletas, muitas empresas adiaram os seus projetos de digitalização uma e outra vez. Não havia, simplesmente, tempo suficiente para se centrarem neste assunto. Agora, isso mudou. Devido à menor procura, as empresas podem alocar tempo aos seus projetos de digitalização. No entanto, as pequenas e médias empresas (PME) continuam a ter dificuldades em planificar e executar tais projetos. Não carecem apenas de uma estratégia digital clara e dos conhecimentos técnicos necessários, mas também de uma solução de software adaptada à sua dimensão.

As PME necessitam de uma solução simples, que requeira apenas alguns funcionários para a implementar num prazo muito curto, e que lhes permita usufruir das vantagens rapidamente. No entanto, a maioria das soluções disponíveis no mercado estão concebidas para cenários de fabrico maiores e estão equipadas com funcionalidades extras, que as PME pagam, mas de que não usufruem.

Além disso, as soluções com mais funcionalidades costumam ser mais difíceis de gerir e utilizar. Em conversações com os seus clientes, predominantemente médias empresas, o Hoffmann Group deu-se conta de que muitos deles queriam uma solução especialmente simples e fácil de usar. Por isso, o Hoffmann Group reagiu a estes pedidos do mercado e com o seu ‘Connected Manufacturing’ desenvolveu uma solução especialmente adequada para as PME. O software é disponibilizado em forma de subscrição, de modo que os custos permanecem transparentes para o cliente. Isto significa que o cliente não tem de comprar o software de antemão, mas apenas o aluga mensalmente, pelo que não é necessário um elevado investimento inicial.

foto
O ‘Connected Manufacturing’ do Hoffmann Group oferece uma descrição geral em tempo real de todas as ferramentas, dados de ferramentas e sua utilização.

O primeiro passo: gestão da ferramenta

Naturalmente, antes de selecionar o software coloca-se a questão de como deve ser desenvolvida uma estratégia digital e que áreas devem ser digitalizadas primeiro, sem perturbar a atividade diária. O primeiro passo deverá ser digitalizar a gestão das ferramentas, visto que com um investimento mínimo se pode obter um grande aumento da produtividade em pouco tempo. Isto também proporciona uma base de dados sólida para futuros projetos de digitalização, visto que se documentam e introduzem numa base de dados central numerosos dados e processos relacionados com as ferramentas. Por isso, o Hoffmann Group lançou uma solução para a gestão digital de ferramentas como o primeiro módulo do ‘Connected Manufacturing’.

Pronto para usar rapidamente

A gestão de ferramentas digitais proporciona uma visão geral completa de todas as ferramentas ou dos seus gémeos digitais em tempo real, desde a planificação de projetos ou pedidos no sistema CAM até ao dispositivo de pré-ajuste na máquina. Quando se introduz o “Connected Manufacturing” todas as ferramentas são etiquetadas com chips RFID e os números dos respetivos chips são introduzidos numa base de dados central de ferramentas com folhas de dados e planos de configuração. O software não tem de ser personalizado para o cliente, visto que se trata de um software standard que, a nível funcional, se centra nos principais problemas do fabrico.

Como resultado, a solução costuma estar pronta para ser utilizada depois de um dia de trabalho e o cliente pode começar praticamente de imediato, o que definitivamente não é o caso dos projetos de longa duração. Os dados acompanham as ferramentas ao longo de todo o processo de fabrico e são constantemente atualizados. Isto significa que o sistema regista constantemente quais as ferramentas que estão em circulação ou a ser utilizadas, e em que lugar, durante o processo de fabrico. Isto faz com que seja muito mais fácil planificar a utilização das ferramentas. A transferência de dados também elimina os erros e a solução faz soar um alarme, por exemplo, quando se excede o intervalo de tolerância no dispositivo de pré-ajuste. Isto também reduz a taxa de erro ao montar as ferramentas e reduz o desperdício. Graças a uma inovadora interface em tempo real, com sincronização de dados, é muito mais fácil utilizar a máquina, visto que a informação sobre o estado das máquinas e ferramentas se pode consultar de forma centralizada.

Simples e intuitivo de usar

Ao monitorizar-se constantemente cada ferramenta individual com uma solução de administração de ferramentas, pode ver-se o ciclo de vida completo da ferramenta em tempo real. Conhecemos o tempo de funcionamento por ferramenta e podemos avaliar melhor, quando uma ferramenta precisa de ser substituída, retificada ou completamente eliminada. Isto ajuda a otimizar toda a gama de ferramentas e a organizar, planificar e gerir melhor todo o processo de produção. Podem-se evitar os tempos de inatividade desnecessários e o excesso de existências e pode-se otimizar a utilização da capacidade das ferramentas. No entanto, o requisito básico para implementar com sucesso a gestão digital das ferramentas é que os funcionários utilizem realmente o novo sistema todos os dias. Por isso, o Hoffmann Group concebeu a solução “Connected Manufacturing” e manteve-a simples, de modo a que, inclusivamente, sem uma formação dispendiosa, o sistema possa ser utilizado intuitivamente num curto espaço de tempo. Inclusivamente as pequenas empresas com poucos funcionários ou máquinas usufruirão das vantagens rapidamente.

foto
A informação da ferramenta pode ser mostrada e transmitida rapidamente através de scaneamento.

Solução versátil para uma capacidade flexível

O ‘Connected Manufacturing’ também se pode ampliar para incluir numerosas máquinas. Em combinação com o modelo de aluguer é uma solução versátil, que oferece a flexibilidade necessária para satisfazer futuros desenvolvimentos comerciais e ainda assim poder ser otimizada. O software será desenvolvido continuamente para satisfazer as necessidades dos clientes. No próximo passo, por exemplo, serão acrescentadas funções adicionais, como uma interface com o sistema ERP, um configurador de ferramentas, assim como a possibilidade de ligação a outros tipos de máquinas. Na atualidade, as atenções convergem claramente para a organização da oficina. Agora existem interfaces para os sistemas de controlo de máquinas da Heidenhain e da Siemens, para os dispositivos de pré-ajuste da Garant, Kelch, Zoller (interface DNC) e para os sistemas de medição laser de máquinas (por exemplo, Blum Laser), assim como para as soluções de software CAD/CAM Tebis, Mastercam, Hypermill e SolidCAM. Estabelecendo a ligação com o sistema Garant Tool24 também é possível criar uma emissão de ferramentas sem contacto, controlar exatamente as ferramentas emitidas e automatizar os novos pedidos, caso tal seja pretendido.

Conclusão

As pequenas e médias empresas também podem beneficiar das vantagens de um ambiente de fabrico digitalizado. Especialmente, caso utilizem uma solução que foi concebida especificamente para as PME, na qual a funcionalidade foi ajustada às suas necessidades e que pode ser implementada de forma rápida e fácil. A gestão de ferramentas de digitalização é um bom ponto de partida para isso, visto que as empresas irão sentir as vantagens rapidamente e irão dispor de uma base de dados estruturada como base para futuros projetos de digitalização. A solução de software também deverá servir de apoio às futuras etapas rumo à “fábrica digital”. Também é útil que um fornecedor, como o Hoffmann Group, esteja por detrás da mesma, que também esteja realmente familiarizado com as necessidades das PME e com os seus contextos de produção e que as possa acompanhar no seu caminho rumo ao mundo digital.

Jaba: tradução 4.0

Subscrever a nossa Newsletter

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

intermetal.pt

InterMETAL - informação para a indústria metalomecânica portuguesa

Estatuto Editorial