Higienizador que inativa SARS-CoV-2 disponível para áreas até 250 metros quadrados

Redação Induglobal17/02/2021

A Morgado & Ca. acaba de reforçar a sua gama de higienizadores de ar com o lançamento do SanificaAria200, destinado a inativar bactérias e vírus como os que estão na origem da Covid-19, em espaços fechados com áreas até 250 metros quadrados, sem necessidade de afastamento humano.

foto

O Grupo Simoldes, que atua na área dos moldes metalúrgicos para a indústria automóvel, já adquiriu mais de 50 equipamentos para instalação em várias das suas unidades fabris.

Representante exclusiva no mercado português da marca italiana Beghelli, que é líder europeia em iluminação de emergência, a Morgado & Ca. tem apostado na oferta de equipamentos que contribuam para minimizar os impactos da Covid-19 através de soluções que garantam a eliminação de 99,9% dos vírus e bactérias presentes no ambiente urbano e acaba de introduzir no seu catálogo o higienizador de ar SanificaAria200.

Depois do sucesso do higienizador SanificaAria30, que laboratórios independentes confirmaram limpar com segurança recintos fechados até 50 metros quadrados de área, o novo modelo vem reforçar o poder da tecnologia italiana ao estender a sua capacidade até aos 250 metros quadrados, mediante um funcionamento sem riscos para a saúde humana.

“A Beghelli criou uma tecnologia que utiliza uma célula de fluxo iluminada internamente por uma fonte de raios UV-C e através da qual é forçada a circulação do ar. Depois da sua passagem pelo circuito, o ar sai do aparelho higienizado, num processo que se mantém sempre eficaz e que respeita o meio ambiente”, explica Filipe Morgado, diretor-geral da Morgado & Ca.

“É um processo totalmente seguro para as pessoas, porque a tecnologia UvOxy® patenteada não gera ozono e as radiações UV-C emitidas pela lâmpada também não passam para o exterior do equipamento”, garante.

O que acontece é que o SanificaAria200 utiliza uma lâmpada UV-C, que, por estar encapsulada no interior do aparelho, não expõe os ocupantes do espaço a essas mesmas radiações. “A par dessa proteção, a fonte de luz está calibrada de forma a não gerar ozono”, sublinha Filipe Morgado, que acrescenta que "o ar é aspirado para dentro da câmara fechada que contém a fonte de UV-C, onde o processo de inativação dos microrganismos ocorre, garantindo um ambiente inócuo e seguro”.

O lançamento do SanificaAria30 no último trimestre de 2020 motivou “uma elevada procura por parte de pequenos espaços de serviços como restaurantes, cabeleireiros, clínicas, farmácias e ginásios, e também por parte de particulares, que os instalaram nos seus domicílios”, revela o diretor-geral da empresa com sede no Porto.

Quanto ao SanificaAria200, que acaba de chegar ao mercado português, o word-of-mouth gerou logo encomendas, sobretudo por parte de “empresas ligadas à indústria e aos equipamentos médicos, em Portugal, Moçambique e no Brasil”.

É disso exemplo o Grupo Simoldes, um dos primeiros a avançar com a aquisição e instalação dos novos higienizadores com esta tecnologia. “Fizeram uma encomenda significativa e instalaram os novos aparelhos em diversos gabinetes de trabalho e salas de reunião, como medida de complemento aos procedimentos já implementados para fazer face à atual pandemia de COVID-19”, diz Filipe Morgado.

Fonte oficial da Simoldes justifica a estratégia e anuncia que essa será para manter no futuro. “Consideramos o SanificaAria200 um importante aliado na proteção da saúde e bem-estar dos nossos colaboradores, clientes e demais parceiros, não só neste período que atravessamos, mas também numa fase pós-Covid”, sublinha José Velhas, diretor Industrial do Grupo Simoldes.

Para essa confiança também contribui o facto de o novo higienizador poder ser ativado remotamente, através de uma aplicação bluetooth simplificada, e estar igualmente disponível em versão connect, o que, através da app Dom-e Beghelli, permite o controlo remoto de diferentes parâmetros e tempos de funcionamento.

Para lá do mercado nacional, estão já firmados negócios com os mercados brasileiro e moçambicano, através de uma parceria com a ArtWear, distribuidora da Morgado & Ca nesses países. Assim, serão entregues ainda este ano 18 unidades do SanificaAria200 em Moçambique e 700 unidades do SanificaAria30, no Brasil. 

“O contrato para o mercado brasileiro é para já é de 20 unidades por semana até se perfazerem os 350 aparelhos e depois, a partir de terceiro trimestre, seguirão mais 350 unidades”, adianta Filipe Morgado. 

foto

Eficácia contra vírus e bactérias garante certificações

Projetada para operar na presença de pessoas, o que a distingue de outras soluções que também recorrem a UV-C mas só podem funcionar em espaços sem ocupantes, a gama SanificaAria Beghelli apresenta-se como uma solução segura, com eficácia comprovada de eliminação até 99,9% de vírus (incluindo os coronavírus) e bactérias. Estes higienizadores são também ozone free, silenciosos e eficazes mesmo na presença de sistemas de ar condicionado, tendo ainda a vantagem de não expor as suas fontes de UV-C, preservando pessoas e objetos dos efeitos dessas radiações. Os aparelhos asseguram assim a higienização contínua de diversos ambientes, através de uma tecnologia que replica e intensifica a ação purificadora natural da radiação solar, mas sempre minimizando ou eliminando quaisquer substâncias contaminantes.

O compromisso de recorrer a fontes de UV-C que irradiam o volume de ar tratado com energia suficiente para decompor até 99,9% dos microrganismos está comprovado: todos os modelos SanificaAria foram submetidos a testes de certificação em laboratórios independentes e esses confirmaram a sua eficácia do ponto de vista sanitário no que concerne à inativação de vírus e bactérias.

O laboratório Tecnal, em Itália, realizou testes de eficácia usando vários microrganismos, entre os quais os das espécies Serratia marcescens, Bacillus subtilis e Cladosporium sphaerospermum, conforme recomendado pela norma ISO 15714, que os considera particularmente resistentes aos raios UV. Os resultados concluíram que, em termos percentuais, os higienizadores da Beghelli tiveram uma eficácia superior a 99,9% na eliminação dessas bactérias.

As experiências realizadas indicaram ainda que os equpamentos SanificaAria decompõem uma ampla gama de bactérias, diferentes coronavírus e outros microrganismos, o que lhes valeu a certificação pela norma IEC 60335-2-65 para higienizadores de ar.

foto

Um equipamento adequado a qualquer espaço

Os higienizadores SanificaAria adequam-se a qualquer recinto fechado público ou privado, doméstico ou comercial. Restaurantes, hotéis, salas de aula, escritórios, cabeleireiros, consultórios médicos, cozinhas, quartos de habitação, repartições públicas e hospitais são alguns dos espaços onde podem ser instalados, seja no formato stand alone, na vertical, ou então afixados à parede ou suspensos do teto. O SanificaAria30 está disponível ao preço de 259 euros e a versão 200 custa 649 euros, tanto na Morgado & Ca. como em revendedores exclusivos.

Também ao nível energético, esta gama de higienizadores de ar ostenta a marcação CE, demonstrativa da conformidade exigida a produtos comercializados na União Europeia. Pode funcionar consecutivamente, 24 sobre 24 horas, consumindo apenas 25 watts a cada 60 minutos.

Jaba: tradução 4.0

Subscrever a nossa Newsletter

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

intermetal.pt

InterMETAL - informação para a indústria metalomecânica portuguesa

Estatuto Editorial